Tânia Castro, Diretora Geral da TPMc, revela a sua opinião acerca do panorama fiscal para o investimento estrangeiro e português.
Desde 1995 no mercado, a TPMc, surgiu da necessidade que as empresas da Zona Franca da Madeira mostravam sentir relativamente à gestão e orientação.  “O regime evoluiu ao longo dos anos a par da economia e fiscalidade global e por isso já vamos no Regime IV. Desde o início houve necessidade dos investidores requererem os serviços de uma sociedade que coordenasse os diversos parâmetros do dia-a-dia. Assim sendo comprometemo-nos a suportar de forma eficiente e eficaz a gestão de compromissos comerciais, fiscais, administrativos e jurídicos”.
Leia a entrevista na íntegra.

Fonte: Revista Pontos de Vista

revista_pontos_de_vista_julho